Dr. André Fuck

Em Curitiba:

Rua Francisco Rocha, 857

(41) 3026-0161

 

 

Endocrinologista

CRM-PR 24137 | RQE 19155

 

 

 

Em Campo Largo:

Rua Barão do Rio Branco, 1443

(41) 3032-1217  

Em Campo Largo:

Rua Oswaldo Cruz, 1870

(41) 3032-4012  

Orientações para combater o sobrepeso e a obesidade

 

A principal queixa dos pacientes nos consultórios de endocrinologistas e nutricionistas é o excesso de peso e obesidade. Sabemos que a tendência é que essa procura deva aumentar e muito nos próximos anos, segundo dados da Organização Mundial da Saúde. Mas por que é tão difícil perder peso e manter o peso perdido e qual a fórmula para emagrecer com sucesso?

 

O primeiro ponto - e talvez o mais importante - para se obter sucesso em um programa de emagrecimento é estar motivado. Motivação nada mais é do que orientar o comportamento para um objetivo maior, no caso, para a perda de peso. Orientar o comportamento significa mudar hábitos, abdicando daqueles que irão atrapalhar a perda de peso e adquirindo hábitos novos que, sabidamente, ajudarão a conquistar o nosso objetivo.

 

O segundo passo é estabelecer metas. Estas devem ser realistas e também desafiadoras. Como exemplo, pode-se ter como meta maior a perda de 10kg no período de seis meses, porém no curto prazo se quer perder de 0,5 a 1kg por semana. Assim, tem-se um objetivo realista e também desafiador.

 

Seguem abaixo algumas dicas para emagrecer com sucesso:

 

  • Não existe dieta milagrosa. A dieta que dá certo é aquela na qual reduzimos o valor calórico total do que ingerimos no dia;

 

  • Nunca encare a dieta como um sacrifício, e sim, como um meio para se chegar a um fim; pensar no lado negativo da dieta faz com que se perca a motivação de fazê-la;

 

  • Não se culpe por comer, torne a refeição um momento prazeroso do seu dia e encontre prazer nos alimentos menos calóricos;

 

  • Conheça o valor calórico dos alimentos. Como foi dito, a dieta que dá certo é aquela com redução das calorias totais;

 

  • Escolha locais tranquilos para realizar as refeições e alimente-se com calma;

 

  • Não existem alimentos “proibidos”, mas sim, alimentos que devem ser evitados ao máximo. Quando comer algo que supostamente não deveria, compense nas refeições seguintes ou com atividades físicas;

 

  • Não pule refeições, em especial o café da manhã, e tente fracionar as refeições ao longo do dia, isso ajuda a moderar o apetite e aumentar o gasto metabólico;

 

  • Procure ingerir bastante líquido, de preferência água, nos intervalos das refeições. Cerque-se de pessoas com o mesmo objetivo que o seu (grupos de apoio, academia de ginástica etc.) e faça com que as pessoas de sua casa se envolvam e também participem da mudança de estilo de vida;

 

  • Utilize adoçantes no lugar de açúcar; Evite doces, bolos, chocolates, entre outros; Utilize bebidas sem açúcar (light, zero);

 

  • Tente fazer uma alimentação o mais natural possível, rica em fibras, vegetais, legumes, frutas e carboidratos integrais;

 

  • Evite o excesso de carboidratos (amido), em especial os refinados, que são utilizados em excesso nos dias de hoje;

 

  • Utilize leite e seus derivados sem gordura, desnatados. Carnes magras, de preferência cozidas, assadas ou grelhadas;

 

  • Pratique atividades físicas diariamente, seja durante suas atividades diárias ou reservando um tempo específico para isso. Serve trocar o elevador por escada, trocar o carro/ônibus por caminhada, matricular-se numa academia ou andar de bicicleta. 

 

Resumindo, o “segredo” das pessoas que conseguem perder peso e manter o peso perdido ao longo da vida é que elas se mantêm motivadas, com dieta hipocalórica e altos níveis de atividade física. Se sente dificuldades para perder peso, sofre de ansiedade excessiva, compulsão, entre outros, é importante marcar uma consulta com um endocrinologista de sua preferência.